O choro do bebê

Choro de bebê é uma das coisas mais desesperadoras que existe.

maternidade-choro-bebe

Lembro quando o João tinha uns 15 dias e ele estava com umas bolinhas e a pediatra mandou eu ir numa emergência (jamais faria isso de novo, um monte de criança doente e ele com 15 dias, foi uma loucura. Depois disso troquei de pediatra, para alguém mais atencioso)  e lá tinha um bebê de 1 ano e pouquinho que não parava de chorar, chorava aos berros mesmo. E eu me virei pro meu marido e disse que se fosse essa mãe (que estava com o bebê no colo) já estaria desesperada chorando junto. Meu marido disse que sabia que eu faria isso porque ele me conhece.

Acho que o que mais deixa a gente nervosa depois do parto é não saber o que o bebê quer, o porquê dele estar chorando.

Muitas pessoas dão logo o peito. Por conta do desespero, insegurança ou por achar mesmo que é fome. Mas nem sempre é fome e, como eu disse no post anterior, eu evitava ao máximo de colocar o João no peito se não tivesse no horário dele mamar.

Eu tentava ver se não era sono, fralda suja, cólica, dor de ouvido, calor, frio, etc. Se não fosse nada disso, aí sim eu dava mamar.

Mas e aí? Como saber se não é sono ou cólica ou dor ou qualquer outra coisa? Aí que o bicho pegava. E muitas vezes eu acabei chorando junto, sim. Mas eu também me absolvo disso.

Aí que meu marido teve a idéia de procurar artigos e vídeos que ensinassem a identificar o choro do bebê. Eu, antes dele fazer essa procura, nem sabia que existia diferença no choro porque, pra mim, todos os choros do João eram iguais. Uns mais intensos, outros mais baixinhos, mas todos iguais.

Depois que ele achou um vídeo que eu reparei que era verdade, os choros eram diferentes. Passamos a tentar decifrar, colocar em prática o que vimos no vídeo, como se fosse uma lição de casa. Algumas vezes dava super certo, era super nítido, mas na maioria das vezes, no sufoco, nem reparávamos pra isso.

Me ajudou um pouco e acho super válido ver o vídeo, entender que cada choro é de um jeito e, quem sabe, conseguir decifrar ele.

Com o tempo eu aprendi e sei exatamente o que ele quer só de olhar ou ouvir o chorinho. A gente aprende as particularidades do nosso bebê, não por causa de um vídeo, mas porque é nosso, tá com a gente sempre. E aí todo perrengue passa, fica tudo muito mais fácil.

Mas como sempre eu dou dicas no final do post, minha dica é de como acalmar um bebê.

– Som do útero acalma muito e sempre deixávamos pra ele no youtube pra ele dormir ou se acalmar. O que eu usava era esse:

 

– Fazer xiiiiii no pé do ouvidinho também funciona super.

– Fazer charutinho com um cueiro, manta, cobertorzinho. Eles se sentem mais seguros.

– Barulho do secador de cabelo

– Tem um app pra celular, o Sleep Baby, que tem os sons que o bebê gosta e que acalmam ele.

maternidade-sleep-baby-app

E se você curtiu desse post, clica aqui em “Gosto” e em “Compartilhar”. Não esqueça também de curtir a gente no Facebook: http://facebook.com/maenaodorme e nem no Instagram: @blogmaenaodorme.

Para falar comigo, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com

Beijos,

Nanda

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s