Contando para o pai

Contar para o papai sobre a gravidez é um momento lindo e único, né? Nem sempre!

gravidez-contando-papai

Eu sempre sonhei em dar a notícia da gravidez de um jeito bem lindo e fofo para o pai, de um jeito que ele se emocionasse e eu também. Tinha vontade até de filmar a reação pra depois poder dividir com todo mundo esse momento.

Bom, ainda bem que eu não filmei esse momento traumático. rs

gravidez-contar-surpresa

Ontem vendo novela das 19h, Além do Horizonte, vi a cena da Priscila (Laila Zaid) contando pro namorado Marcelo (Igor Angelkorte) que estava grávida e lembrei totalmente de mim contando pro Leandro. Na cena, toda vez que ela contava, ele desmaiava. Apesar de estar enormemente feliz com a notícia, ele ainda precisava se acostumar. Se você não viu ontem, veja ela contando nesse vídeo aqui e a reação dele nesse vídeo aqui.

O Leandro foi exatamente assim, só que ao invés dele desmaiar, ele ficou catatônico. Ficou olhando pra tv sem som, na beira da cama (ele jura que a tv estava com som, mas não estava, porque quando vou dormir eu tiro o som da TV). E, sim, eu tive certeza que tinha matado meu príncipe pai, que seria mãe solteira e me desesperei por isso.

Levou um dia inteiro pra ele conseguir falar comigo que não estava triste, que estava se acostumando com a idéia da gravidez e à noite ele já estava beijando a barriga. O que me fez chorar de alívio, felicidade, emoção, amor, sei lá, um misto de sensações.

gravidez-pai-susto

Bom, agora, enquanto eu tava preparando esse post, acabei lendo sem querer que, na novela, a Priscila vai descobrir que não está grávida realmente, que é uma gravidez psicológica. Que, quando ela fez o teste de farmácia, confiou totalmente, não fez o exame de sangue e só quando iniciar o pré-natal, vai descobrir que não tem bebê nenhum. Justamente quando eles já tinham se acostumado com a idéia da gravidez.

E era esse o medo que eu tinha. De passar por tudo isso e descobrir que ou foi um erro no exame ou não ter nada dentro de mim.

Pra começar, o meu teste de farmácia deu negativo. Como eu andava meio estranha, fui na médica e ela pediu o Beta HCG (o exame de sangue), que deu positivo. Resolvi fazer “melhor de três” e fiz outro exame de sangue no dia seguinte, o resultado só comprovou que eu estava mais grávida que no dia anterior.

Então, ok! Não é um erro do laboratório.

Gravidez-conversando-com-médica

Mas tranquila, tranquila mesmo, eu só fiquei quando fiz a ultra e ouvi o coração dele (que ainda era um amendoinzinho na época). Aí sim caiu a ficha. Nossa, então realmente tem alguém crescendo dentro de mim. Prazer, meu amor! É uma emoção tão grande que eu não sei descrever, eu só sabia chorar.

E você? Como foi essa sua experiência de contar para o pai? Tem algo parecido pra me contar? Quero saber! Meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com

Beijos,

Nanda 😉

Anúncios

2 comentários sobre “Contando para o pai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s